Widget Image
Secretarias
26/06/2017
HomeGestões AnterioresPrefeito Tuíze prestigia apresentação especial da Orquestra Ituana de Viola Caipira

Prefeito Tuíze prestigia apresentação especial da Orquestra Ituana de Viola Caipira

O prefeito Antonio Tuíze prestigiou na noite da última quinta-feira (27/10), uma apresentação especial da Orquestra Ituana de Viola Caipira, realizada no auditório do Centro de Formação dos Professores, em comemoração ao aniversário do grupo.

O evento foi marcado por muita emoção do público, que compareceu ao auditório da Prefeitura e participou do concerto, que reuniu clássicos do sertanejo de raiz como “Estrada da Vida”, “O Menino da Porteira” e “Franguinho na Panela”, dentre outras obras do cancioneiro popular.  Música sempre presente no repertório da orquestra, “Índia” foi o pedido de bis, feito pelo prefeito Tuíze e endossado pelo público, no encerramento da apresentação.

Como padrinho da Orquestra Ituana de Viola Caipira e amante da música sertaneja de raiz, o prefeito Tuíze foi homenageado pelo grupo, através dos professores Célia Maria Trettel da Costa e Adilson Tadeu Rodrigues da Silveira, que agradeceram todo o apoio recebido ao longo de sua gestão e lhe presentearam com uma imagem de São Gonçalo, padroeiro dos violeiros. A professora Célia Trettel, acompanhada de alunos da EMEF “Dr. Francisco Ursaia”, prestou outra homenagem, entregando um quadro pintado pelas crianças ao chefe do Executivo e também à secretária municipal de Educação, Marilda Cortijo, presente no concerto.

A Orquestra Ituana de Viola Caipira iniciou suas atividades, em caráter experimental, ao final de 2011, vindo a se efetivar no início de 2013. A orquestra conta com o apoio da Secretaria Municipal de Educação, e já realizou diversas apresentações, em Itu e em outras cidades do estado de São Paulo.

A orquestra conta com quatro afinações distintas: Cebolão em Mi Maior, Cebolão em Ré Maior, Sol Maior e Do Maior, estas duas últimas conhecidas popularmente como Rio Abaixo e Rio Acima que conferem uma sonoridade muito rica quando comparada às orquestras de afinação única. Os arranjos são especialmente elaborados pelos professores, para que os grupos de violas se harmonizem e executem as melodias do repertório.

Texto e fotos: Fábio Navarro/Prefeitura de Itu

(28/10/16)