Widget Image
Secretarias
19/08/2017
HomeFinançasIncentivo aos bons pagadores diminui inadimplência no IPTU em Itu

Incentivo aos bons pagadores diminui inadimplência no IPTU em Itu

O prazo para pagamento de cota única do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) com 10% de desconto termina no dia 31 de janeiro. De acordo com a secretaria municipal de Economia e Finanças, cerca de 50% da população opta em pagar o imposto em parcela única. “O desconto oferecido é maior que o juros de aplicações, por isso é favorável o pagamento em uma única parcela. Com esse desconto também foi possível diminuir a inadimplência oferecendo vantagens aos bons pagadores”, comenta o secretário da pasta o economista Valfrido Miguel Carotti.

Desde que foram implantadas ações de incentivo ao bom pagador do IPTU o número de não pagadores diminuiu severamente. No final de 2006 era registrada uma inadimplência de 39%, já em 2007, quando as ações foram implantadas 27,48% da população não mantinha o imposto em dia, hoje a inadimplência é de 13,25%, uma das menores da região. Com isso a arrecadação do município aumentou e, para o ano de 2015, a expectativa é de arrecadar R$ 56.229.144,00.

“A pequena elevação no percentual de inadimplência, apresentada em 2014, de 1,17%, pode ser justificada pela redução da atividade econômica ocorrida em 2014 a qual provocou problemas nas finanças pessoais da população brasileira”, explica o secretário.

Para quem não pagar a parcela única com 10% de desconto até o dia 31 de janeiro, ainda há as opções de cota única com 5% de desconto, com vencimento até 28 de fevereiro e cota única com 3% de desconto, com vencimento até 31 de março. Para quem preferir parcelar, o pagamento poderá ser feito em até 11 vezes.

Para os contribuintes que adquirem um veículo em outra cidade e fazem a transferência do documento para a Itu, há uma lei que oferece desconto aplicado sobre o IPTU do munícipe. O desconto só é considerado uma única vez e o contribuinte deve comprovar, além da efetiva transferência do veículo para Itu, também o recolhimento do IPVA para esta cidade.

Para este ano, segundo Carotti, os investimentos da arrecadação do imposto estarão direcionados às conclusões das obras iniciadas, respeitando os limites constitucionais de aplicação na educação e saúde, além da continuidade às ações de todas as secretarias.

Texto e infográfico: Renata Guarnieri/Prefeitura Itu

(22/01/2015)